Comunicação Total

Pense em sua vida até hoje: mais do que determinados momentos ou situações, o que mais causou impacto na vida de cada um de nós foram as pessoas que passaram por ela.

E como nós conhecemos e nos relacionamos com cada uma destas pessoas?

Através da comunicação. E de todas as formas de comunicação, a que mais usamos é a comunicação oral, a linguagem falada.

Por isso, essa é mais uma das características fundamentais dos homens e mulheres bem-sucedidos, saber se comunicar com qualidade.

Mas a comunicação não é apenas a fala. Nós nos expressamos de muitas outras maneiras.

Comunicação não verbal

De acordo com pesquisas o impacto de uma mensagem sobre o ouvinte está relacionado assim:

7%  – palavras – o que a pessoa diz

38% – fala, tom de voz, inflexão – a maneira como fala

55% – corpo, olhos, mãos, braços, pernas, posturas e gestos, roupas e acessórios – como se expressa

Isto significa que a comunicação é mais do que falar corretamente ou formar frases de efeito. Nós nos comunicamos na totalidade.

Isso significa que precisamos aprender a escutar, observar e perguntar melhor.
Muitos querem fazer curso de oratória para ter uma boa comunicação, mas os cursos que seriam mais importantes seriam os de “Escutatória”, “Observatória” e “Perguntatória”.

Escutar sem ficar pensando ao mesmo tempo e sim entendendo o real significado de cada palavra ou frase.

Observar sem julgar, perceber todos os detalhes da comunicação e ver o ser como um todo e não apenas o que diz e sim, como diz cada palavra ou frase e a forma como se expressa.

Perguntar para se ter a melhor compreensão do assunto são essenciais.

Qual o caminho?

Talvez, não esteja preparado(a) para perceber tudo isso hoje, mas se começar a observar melhor, em pouco tempo criará seu próprio banco de dados.

Então como eu observo, outros podem me observar também?

Sim, com certeza. Por isso vou dar algumas dicas de como se mostrar melhor durante um diálogo. Veja as dicas de como poder sua Linguagem não Verbal para passar uma imagem mais positiva:

– Evite mãos no bolso – mão no bolso passa a sensação de que tem algo a esconder

– Evite ficar balançando ou se movimentando em excesso – passa a impressão de estar incomodado, não confortável com a conversa

– Mantenha os braços descruzados – Mostram abertura e aceitação, justamente o oposto dos braços cruzados.

– Olhe a pessoa nos olhos (triângulo olhos, nariz e boca) pelo menos 2/3 do tempo – isso mostra confiança e segurança.

– Não aponte o dedo – Gera uma imagem de dominação e repreensão.

– Cabeça alta (reta) e firme e ombros retos e para trás – Mostra segurança e firmeza das idéias.

– E por fim, aperte a mão corretamente – Mãos retas, sem virar a palma nem para cima e nem para baixo, assim como a firmeza deve ser nem muito apertada e nem frouxa demais.

Eu gosto muito desse assunto e estudo isso há muitos anos.

Criei até o meu manual de como entender e decifrar pessoas e já escrevi um livro sobre o assunto. Não é um “Jabá”, apenas uma informação, caso queira se aprofundar no assunto. O livro chama-se “O Homem que lia Pessoas” e está disponível na amazon.com.br. Basta procurar na busca por Acácio Ventura e conhecerá minhas obras.

Mas independente disso, acredito que as informações acima já podem ajudar você a ser visto e percebido de uma maneira mais positiva.

Um Grande Abraço, Saúde e muito Sucesso! https://www.linkedin.com/pulse/comunica%25C3%25A7%25C3%25A3o-total-ac%25C3%25A1cio-ventura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 1 =