Ler e-book ou livro impresso

Minha experiência com livros impressos

Ha defensores da ambas as versões de um livro, mas a que eu mais escuto é quanto ao costume de lê-lo, senti-lo fisicamente e cheirá-lo.
O cheiro do papel em um livro novo é inconfundível, mas imagine quantas arvores foram usadas para a sua confecção.
Eu sempre fui fã de livros e meu hábito era adquiri-los quinzenalmente e em algumas vezes até semanalmente.
Estou acima da média da maioria dos leitores.
Criei o hábito de lê-los diariamente em pequenas partes.
Acabei trocando alguns outros hábitos pelos livros e estou bastante satisfeito com o resultado. Assisto muito menos televisão e leio mais livros.

Tinha que ir a um shopping, pagar o estacionamento, adquiri-los e voltar ou ainda adquirir via internet e ficar aguardando a sua entrega.
Até que ocorreu algo. O espaço para armazená-los começou a ficar comprometido. Não tinha mais onde colocá-los. O local destinado aos livros ultrapassou a capacidade de guardá-los.
Comecei a doá-los para abrir espaço.
Me livrar dos livros estava me incomodando.

Ler e-book. Uma opção momentânea

Até que um dia, sem tempo de sair para adquirir um livro impresso, busquei na internet o livro que estava interessado em ler e adquiri na forma de e-book.
Foi uma experiência muito interessante.
Fiz meu cadastro na livraria virtual e com um clique adquiri o livro.
Em seguida já estava lendo. Li o livro em três dias e terminei no final da noite.
Lojas fechadas. Se comprasse pela internet para entregar, levaria ao menos cinco dias.
Animado com a história, com apenas um clique, adquiri o livro dois daquela saga e no mesmo instante comecei a ler.
Não tive que esperar o shopping abrir para continuar aquela história ou que me fosse enviado pelo correio.
O terceiro livro foi igual.
Quando percebi, só comprava para ler o livro no formato e-book.
Quando ia ao shopping, visitava a livraria, olhava os livros em destaque, fotografava a capa e procurava o e-book para adquirir.
Ainda mantenho os livros impressos que são importantes para mim, mas a minha biblioteca virtual está enorme.
Se tivesse todos esses livros impressos, com certeza já teria me desfeito de todos eles, além de que a economia que fiz com os e-books foi enorme.
Para ter uma idéia do que economizei, adquiri em e-book o último livro do Dan Brow, Origem, por menos da metade do valor do livro impresso e comecei a ler imediatamente.
Vou listar no próximo post as vantagens do e-book.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + quatro =